Paulista deve enfrentar chuva para votar na urna eletrônicaNeste domingo, 3 de outubro, mais de 30 milhões de paulistas devem comparecer às urnas para escolher seus candidatos a deputados, senadores, governadores e presidente. Independente das condições do tempo, comparecer as urnas é mais que obrigação, é manifestar a sua vontade e exercer a democracia.

Falamos em democracia e direitos, mas também não devemos nos esquecer dos deveres. Além de cobrar de seus candidatos uma postura ética, devemos fiscalizar as suas atitudes. Fazer propaganda no dia da eleição é proibido. Por isso, se o candidato estiver fazendo campanha, desrespeitando a lei, é um sinal de que também não irá se constranger em burlar as leis se for eleito.

Desde esta sexta-feira (1) está proibido a veiculação de propagandas políticas em rádios e TVs. Já nos jornais impressos e internet, a restrição começa no sábado(2). Nesse dia, os candidatos ainda poderão realizar propaganda eleitoral mediante auto-falante, sonorização fixa, promoção de carreata, caminhada e distribuição de material de propaganda. No domingo, fica proibido qualquer tipo de campanha.

Além de fiscalizar as ações dos candidatos e cabos eleitorais, devemos ficar de olho na maneira como esses materiais de divulgação estão sendo descartados. Jogar na rua, além de ser falta de educação, traz inúmeros transtornos para todos nós. Quando jogados nas vias, os papéis vão para os bueiros, entupindo-os e provocando alagamentos nas cidades.

Em São Paulo, por exemplo, onde há o maior colégio eleitoral do País, esse tipo de problema é muito comum. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura, além de deixar a cidade suja, jogar lixo nas ruas é um das principais causas dos alagamentos. “Com a previsão de chuvas que há para esse final de semana e a grande probabilidade de panfletos e folhetos pelas ruas, a possibilidade de alagamento e enchente por conta desse acúmulo é muito grande”, lembra o engenheiro especialista em análise de risco do CGE, Hassan Barakat.

Já que estamos falando de chuvas, vamos ver como fica o tempo no dia das eleições em todo o Brasil. Para saber detalhadamente a previsão para a sua cidade, clique aqui.

SÃO PAULO

De acordo com a SOMAR, este fim de semana será caracterizado por tempo instável em São Paulo. As chuvas alternam com períodos de melhoria e o tempo ainda deve ser abafado neste sábado. Já o domingo tem tempo fechado e chuvas fracas a qualquer momento, com temperatura mais baixa na faixa leste, que inclui a Capital, por conta dos ventos do quadrante sul. Somente no sudoeste e sul do Estado são menores as chances de chuva, mas teremos um dia de encoberto a nublado.

SUDESTE

A semana começa com chuvas mais concentradas na parte sul da Região. Segundo a SOMAR, novas áreas de instabilidade avançam a partir do sul do País e reorganizam as chuvas sobre São Paulo e parte sul de Minas Gerais. O Rio de Janeiro também segue com chuvas, que são mais fortes na região Serrana. O norte de Minas Gerais e o Espirito Santo voltam a ter tempo mais aberto.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *