Frente fria provoca chuva no RJ desde a madrugada A frente fria que passou rapidamente por São Paulo deixou muita umidade e chuviscos na Capital. Já no Rio de Janeiro, o sistema provoca chuvas desde a madrugada e o acumulado já passa de 30mm em apenas 4 horas no Jardim Botânico. De acordo com os meteorologistas da SOMAR, no decorrer desta sexta-feira ainda há risco de chuva forte entre o litoral norte de São Paulo e o Rio de Janeiro.

Nas demais áreas do Sudeste, no Centro-Oeste e Sul do país a quantidade de nuvens é pequena, com exceção da faixa leste (desde o RS até o ES) que sofre influência dos ventos úmidos do mar. No Norte do Brasil, as instabilidades cobrem quase toda a Região e no Nordeste, maior quantidade de nuvens é observada no litoral entre o Maranhão e o Rio Grande do Norte.

Frio no Sul do Brasil

A massa de ar frio que está no Sul do País não é muito forte, mas São José dos Ausentes (RS) registrou 7°C e sensação térmica de dois graus negativos por volta das 6 horas desta manhã. Em Urubici (SC) a mínima foi de 5,5°C com sensação térmica de 3°C.

Fim de semana

Uma área de instabilidade que avança da Argentina volta a provocar chuva entre o Rio Grande do Sul e o Paraná nos próximos dias e há previsão de acumulados altos entre o norte gaúcho e leste do Paraná, abrangendo todo o centro e leste de Santa Catarina. Além disso, uma massa de ar frio vai deixar as temperaturas baixas. Em Mato Grosso do Sul até ocorrem algumas chuvas isoladas, mas o acumulados será muito baixo.

Grande parte do Sudeste e do Centro-Oeste segue sem chuvas significativas até o começo da próxima semana. Já no Nordeste, os temporais voltam a castigar o norte e leste da Região neste fim de semana. No Norte, apenas no Tocantins, Rondônia e Acre as chuvas são isoladas. Os demais Estados recebem chuvas generalizadas e com acumulados altos no extremo norte.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *