Ecommerce no FacebookLikeStore chega nesta quarta-feira (18/05) com venda de ingressos para o show do Jack Johnson e marca a estreia do comércio eletrônico nas páginas dos brasileiros no Facebook

Representando mais um passo na interação entre redes sociais e e-commerce no Brasil, é lançada nesta quarta-feira (18/05) a LikeStore – www.likestore.com.br, primeiro serviço online no País que permite a qualquer usuário ou empresa vender produtos diretamente pelo Facebook.

A ferramenta estreia com o Show de Ingressos como a primeira loja dentro da rede social de Mark Zuckerberg. A LikeStore mira em dois mercados crescentes no Brasil: o do e-commerce, que já registrou uma movimentação de R$ 1 4,8 bilhões no País em 2010, de acordo com o eBit, e nos quase 20 milhões de brasileiros que utilizam o Facebook. No primeiro ano, o serviço espera realizar 150 mil transações com um ticket médio de R$ 120, movimentando um montante de R$ 18 milhões.

Neste primeiro momento, o desenvolvimento de lojas com o serviço LikeStore será restrito a grandes parceiros comerciais, como o Show de Ingressos, especializado na venda antecipada de entradas para grandes shows, parques, cinemas, teatros e eventos em geral. Nesta quarta, os internautas cadastrados no Facebook poderão adquirir entradas para o show do Jack Johnson em Recife sem sair da rede, além de compartilhar com os amigos a compra feita. “Já estamos em negociação com outras empresas interessadas em ter o seu F-Commerce, que é como chamamos este tipo de loja, nas próximas semanas. Agora é o momento para criar parcerias com marcas estratégicas para acostumar o brasileiro à ideia de comprar dentro de uma rede social”, explica Gabriel Borges, diretor da LikeStore e idealiza dor do serviço.

Em breve, o serviço estará aberto para qualquer usuário da rede social criar a sua loja. Neste momento, os usuários do Facebook poderão transformar suas fan pages em uma vitrine de produtos, colocando imagens e descrições. Tudo de forma fácil e simples, sem grandes preocupações com formatação da página ou códigos. Ao fazer a adição de um produto, automaticamente o serviço já envia uma mensagem ao seu mural, notificando a lista de amigos. Depois, qualquer um (amigo ou não) poderá acessar a parte do perfil que foi transformada em e-commerce, escolher o que interessa e, sem sair da rede, fornecer informações de compra. Tudo de forma segura, certificada pela VeriSign.

Na LikeStore, os usuários podem compartilhar com amigos, caso desejem, qual compra foi feita. “Isso vai gerando um buzz, que é a grande característica das redes sociais”, comenta Borges. Ao vendedor, resta receber a confirmação de pagamento e despachar o produto.

A criação da Like Store acontece em um período importante da internet brasileira e mundial. Na última década, as redes sociais revolucionaram o modo como as pessoas interagem na web. Agora as redes sociais estão passando a revolucionar também as compras na web, que já movimentaram US$ 500 bilhões em 2010 no mundo todo (dados da Everis). Nos Estados Unidos, a expectativa é que o Facebook movimente 1,2 bilhão de dólares até o final de 2011, de acordo com a Social Times Pro.

No mundo, algumas plataformas já têm viabilizado o F-Commerce, mas no Brasil não havia nada nesse sentido. As poucas compras feitas entre usuários ainda funcionavam como na época do jornal, com um vendo um anúncio no mural do outro e negociando diretamente. “Isso é passado! Estamos inovando no e-commerce brasileiro”, afirma Gabriel Borges.

Tecnologia: Dextra Sistemas (www.dextra.com.br)

Para tornar possível a ideia do serviço de comércio eletrônico dentro de uma rede social, Borges buscou o apoio da Dextra Sistemas, que cuidou do desenvolvimento tecnológico da ferramenta. A empresa conta com mais de 15 anos de experiência no setor, fator determinante na escolha. Para o gerente de negócios da Dextra, Marcos Alves, é importante para a empresa estar junto com um marco tão importante dentro da internet no Brasil. “O lançamento da LikeStore permite que empresas de todos os tamanhos possam adicionar, de forma ágil e efetiva, o social commerce em suas estratégias, alcançando seus consumidores onde quer que eles estejam. Pequeno, médio ou grande, é a hora de rentabilizar as redes sociais”, afirma.

Meio de pagamento para Facebook: MoIP

A LikeStore oferece uma solução avançada de pagamento disponibilizado pelo parceiro MoIP Pagamentos. Tal solução traz funcionalidades tanto para o vendedor, quanto para o comprador. Para o vendedor, oferece uma criteriosa análise na hora da compra, fazendo a gestão de risco do negócio e verificando rapidamente se há alguma fraude. Para o comprador, a solução ainda dá opção de parcelamento nas principais bandeiras de cartão de crédito (como Visa, MasterCard, American Express, Diners e Hipercard), débito em conta no Bradesco, Itaú, Banco do Brasil, pelo cartão Visa Electron ou ainda pagamento via boleto.

A incorporação das facilidades na LikeStore só se tornou possível por conta do desenvolvimento pelo MoIP Pagamentos de um widget de meio de pagamento para Facebook(uma interface que integra, no caso, o sistema de pagamentos do MoIP ao Facebook) utilizada pelo serviço. “Como estamos inovando neste mercado, buscamos o MoIP, que tem uma característica inovadora e, já estava desenvolvendo o widget que precisávamos. Foi o casamento perfeito”, explica Borges.

Sobre o Show de Ingressos

Show de Ingressos é uma plataforma de e-commerce para venda de ingressos de shows, parques, cinemas, teatros e eventos em geral pela Internet. O grande diferencial do Show de Ingressos é o modelo de operação no sistema de franquias estaduais, dando assim condições para que os melhores eventos de cada local estejam à disposição dos clientes da região. A entrega do ingresso é local, dando agilidade e segurança.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *