Como funciona o sistema de rastreamento veicular?

Um sistema de rastreamento veicular por GPS utiliza a rede do Global Navigation Satellite System. A rede incorpora diversos satélites que usam os sinais que são transmistidos pelos dispositivos GPS fornecendo informações sobre localização, além de outras informações, como: velocidade do automóvel, tempo e direção que está seguindo.

O sistema de rastreamento veicular  combina o uso de localização automática de veículos em veículos individuais com software que coleta esses dados da frota para obter uma imagem abrangente da localização dos veículos.

imagem ilustrativa

Como funciona o sistema de rastreamento veicular?

O Global Positioning System consiste em 27 satélites de posicionamento global que orbitam ao redor da Terra. Para garantir que o mundo inteiro seja coberto pela constelação dos satélites de GPS, os satélites são organizados de forma que quatro satélites estejam sempre posicionados em cada um dos seis planos orbitais.

Ele também funciona sob trilateração de conceito matemático. O tipo de sistema de rastreamento veicular GPS que você tem dita o que acontece a seguir. Se você tiver um GPS passivo, ele armazenará os dados até que sejam recuperados do veículo. Se você tiver um GPS ativo, ele transmitirá as informações para um computador central conectado à Internet ou ao computador central, fornecendo informações em tempo real sobre as atividades do veículo.

O rastreamento veicular por GPS também pode ser usado para monitorar partidas e paradas baseadas em ignição para garantir que os funcionários estejam trabalhando quando eles dizem que estão, onde pode ser verificado: quilometragem do veículo, condução agressiva, marcha lenta excessiva e muito mais. Alguns sistemas de rastreamento veicular também permitem que você bloqueie ou destranque portas, desative ou ative o motor de partida, ou até buzine.

Entendendo um pouco mais sobre as centrais de rastreamento veicular

O GPS viabiliza os sinais especiais de satélite que são processados por um receptor. As posições podem até ser calculadas em vistas tridimensionais com a ajuda de quatro sinais de satélite GPS. Existem 24 satélites operacionais e 3 extras (no caso de falhas) que circulam pela Terra a cada 12 horas e enviam sinais de rádio do espaço que são recebidos pelo receptor GPS.

O controle do sistema de posicionamento consiste em diferentes estações de rastreamento veicular localizadas em todo o mundo. Essas estações de monitoramento ajudam no rastreamento de sinais dos satélites de GPS que estão continuamente em órbita da Terra. Veículos espaciais transmitem sinais de portadora de microondas. Os usuários do Global Positioning Systems 

possuem receptores GPS que convertem esses sinais de satélite para que se possa estimar a posição, a velocidade e o tempo reais.

O funcionamento do sistema de rastreamento veicular é baseado em um princípio matemático simples chamado trilateração. A trilateração divide-se em duas categorias: Trilateração 2-D e Trilateração 3-D.

Para fazer o cálculo matemático simples, o receptor GPS deve saber duas coisas. Primeiro, deve saber que a localização do local deve ser rastreada por pelo menos três satélites acima do local. Em segundo lugar, deve saber a distância entre o local e cada um desses veículos espaciais. Unidades que possuem vários receptores que captam sinais de vários satélites de GPS ao mesmo tempo.

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *