Anvisa faz alerta para risco de infarto pelo uso da sibutramina


A ANVISA fez um alerta a médicos e farmacêuticos brasileiros sobre os riscos no uso da substância sibutramina, depois que a Agência Europeia de Medicamentos (Emea) recomendou a suspensão da venda de medicamentos que contenham esta substância pelo risco da ocorrência de infarto do miocárdio.

Esta drogas é uma das mais usadas para emagrecimento e age como inibidor de reabsorção de neurotransmissores que ajuda a elevar a saciedade ao inibir a reabsorção de substancias que controlam a sensação de fome e vontade de comer.

No Brasil existem diversos medicamentos que possuem a sibutramina na formulação : Meridia, Reductil, Sibutral, Plenty, Saciette, Biomag e Vazy, e existe também o genérico: Cloridrato de Sibutramina.

Segundo informações da ANVISA haverá em fevereiro uma reunião da Câmara Técnica de Medicamentos para analisar os resultados desse estudo e decidir qual atitude tomar.

“Nestes casos a Agência pode manter o nível de alerta atual, ampliar as contraindicações e as restrições de venda ou até mesmo proibir a substância no país”, explica Rui Dammenhain, especialista em vigilância sanitária e diretor do INBRAVISA.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *