Mas quem é fã de verdade prefere lembrar de Amy Winehouse assim.

A morte de Amy Winehouse: agora somos todos fãs

Amy Winehouse era assim
Amy Winehouse era assim
Hipócritas de todo mundo, é hora de render homenagens a cantora Amy Winehouse. Sim, você que já fizeram isso recentemente pelo cantor Michael Jackson é hora de prestar homenagens e ficar de luto pela cantora Amy Winehouse que não foi lá essas coisas como pessoa, mas que na música representou muito.

Digo que representou muito porque a mulher era um talento, isso ninguém pode negar. Ela tinha voz de “negra”, um estilo próprio e estava pouco se fodendo para a moda. Amy Winehouse era bem diferente de Lady Gaga e outras que procuram dar um show de cores escandalosas e outras esquisitices para chamar atenção. O lance é que Amy Winehouse simplesmente fazia suas composições, baseadas em fragmentos da sua vida em forma de poesia/ironia e cantava, mas cantava muito.

Mas quem é fã de verdade prefere lembrar de Amy Winehouse assim.
Mas quem é fã de verdade prefere lembrar de Amy Winehouse assim.
A passagem da Amy Winehouse pelo Brasil não foi lá essas coisas, muitos fãs tiraram o barato e testemunharam micos da cantora bêbada e louco, mas isso aí é outra história. Como personalidade a Amy não vai deixar nada para os fãs, mas sim para familiares que lutaram por ela e colegas de bar que tiveram a oportunidade de conhecer de perto o mito com o copo na mão, mas para a música o legado é de grande valor.

Agora a grande surpresa são os fãs que surgem entre o fechamento do caixão e a leitura do testamento. Agora vários brasileiros vão dizer que são fãs de Amy Winehouse, os mesmo que brincaram com a cantora pagando peitinho na sacada do hotel ou dormindo na praça depois de uma noite de bebedeira. Acho que as pessoas deveria valorizar mais o talento enquanto as pessoas estão vivas. Comprar CD e virar fã depois chega a ser até engraçado….

2 thoughts on “A morte de Amy Winehouse: agora somos todos fãs

  1. Tudo que eu mais gostava no mundo da música era a Amy ela era uma pessoa doce, mais ninguém enxergava isso sobre ela as pessoas só sabiam julga-la e falar muito mal dela,mas o lado bom dela ninguém via.. Eu amo ela ,ela pode etá morta agora mais estaraá viva em meu coração pra sempre.
    AmyWinehouse eu te amoo,seja onde é qe vc esteja, Bjs KiizyWinehouse

  2. Eu concordo com tudo sobre os fãs hipócritas etc …
    Ela se destacou com seu talento e o trabalho diferenciado pena que tenha tido uma vida “problemática”, mas se mudasse não seria a AMY WINEHOUSE, suas atitudes também fizeram com que se destacasse, se tornasse uma lenda da qual não esqueceremos. Eu apenas a conhecia não profundamente e não apreciava seu trabalho no todo infelizmente. Após a sua lamentável morte e por tantos falatórios, passei a escutar seus CDs para conhecer melhor, e não só aquilo que mostravam nas rádios etc… O resultado foi positivo, me apaixonei pelo seu trabalho todo, aquela mistura de Blues e Jazz a sua voz MARAVILHOSA arrepia qualquer um. Uma pena aprender apreciá-la após sua morte, por tantas vezes estive em Londres e o sentimento que ficou é o de arrependimento por não admirá-la o suficiente para assisti-la ao vivo.
    Não me considero uma “fãzona” mais sim, uma grande admiradora de seu trabalho, quando digo admiradora não me refiro a ouvir uma ou duas músicas apenas, e sim sua obra completa. Hoje, em minha casa, seu trabalho está na mesma prateleira onde se encontram Joplin e Hendrix. :)

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *